...

Tricologia no Porto

Bem vindo à Living Clinic!

O que é a Tricologia?

A tricologia corresponde a uma área da dermatologia responsável pelo estudo dos fios de cabelo, do couro cabeludo e dos pelos.

Esta especialidade diagnostica e trata os distúrbios que afetam esta zona, como é o caso da queda e quebra dos fios, inflamações, infeções e doenças do couro cabeludo.

Muitas vezes, uma simples queda de cabelo pode ser sintoma de problemas da tiróide, anemia, deficiência de vitaminas e doenças auto-imunes. Daí, ser sempre aconselhável a consulta com um médico especialista.

 

Consultório de dermatologia da Living Clinic, no Porto
Consultório na Living Clinic

Na Living Clinic, a Dra. Paola Halfeld é a responsável pelas áreas de Dermatologia, Tricologia e Medicina Estética.

Dra. Paola Halfeld – Dermatologista

A Dra. Paola Halfeld é médica especialista em Dermatovenereologia pela Ordem dos Médicos de Portugal, Dermatologista pela Associação Médica Brasileira, e Mestre em Saúde Pública pela Universidade do Porto. É membro do European Academy of Dermatology and Venereology (EADV), da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD-RJ) e da International Trichoscopy Society. 

Com especial interesse em dermatologia estética e tricologia, oferece cuidados personalizados e inovadores na Living Clinic, no Porto, garantindo resultados excecionais aos seus pacientes.

A Dra Paola tem por prática a realização do exame físico completo para rastreio de cancro da pele em todos os seus pacientes.

Dra. Paola Halfeld - Dermatologista da Living Clinic, no Porto

Tratamentos Capilares

Há vários tratamentos que podem ajudar a solucionar o problema da perda capilar. Entre os procedimentos mais recomendados para a queda de cabelo estão: a mesoterapia capilar e o PRP Capilar. Nos casos em que há uma perda de cabelos importante, nos quais os tratamentos não conseguem restaurar a densidade capilar, pode estar indicado o transplante capilar. 

Abaixo estão os pormenores dos tratamentos mencionados:

Mesoterapia Capilar

A mesoterapia capilar é um tratamento minimamente invasivo no qual se injetam substancias no couro cabeludo com a finalidade de tratar alguma patologia e/ou estimular o crescimento capilar. Diversos principios ativos podem ser empregados nesta técnica, desde nutrientes a medicamentos.

O que vai determinar a composição da mesoterapia que será realizada é o diagnóstico que está por trás da perda capilar. Como existem diversas possibilidades terapêuticas com esta técnica, este tratamento acaba por ser amplamente utilizado nas pessoas que apresentam queda de cabelo, calvície e outras formas de alopecias.

A mesoterapia geralmente é realizada em regime mensal, porém, podem haver situações em que haja necessidade de um menor intervalo entre as sessões. O número de sessões irá variar consoante o diagnóstico, assim como o tempo de resposta ao tratamento. Na calvície, por exemplo, os resultados costumam ser visiveis a partir do quarto mês de tratamento.

PRP Capilar

O PRP Capilar é um tratamento autólogo, ou seja, consiste numa pequena colheita de sangue que é feita ao paciente e que depois é centrifugada para separar o parte rica em plaquetas do sangue restante. 

Posteriormente, o PRP é reinjetado no couro cabeludo do paciente, libertando na derme substâncias que constituem fatores de crescimento que irão fortalecer o cabelo. Por isso, este é um tratamento muito utilizado no estímulo do crescimento capilar e um forte aliado no tratamento da calvície.

Na Living Clinic, é utilizado o Plasma Rico em Fibrina (PRF) por possuir algumas vantagens quando comparado ao PRP, nomeadamente maior concentração de fatores de crescimento e sem necessidade do uso de citrato no tubo de coleta do sangue, o que produz um material completamente puro para ser utilizado no paciente. Além disso, o método de obtenção do PRF, faz com que o plasma obtido não tenha fatores pró-inflamatórios que poderiam ser prejudiciais em certos tipos de alopecia.

Transplante capilar

O transplante capilar consiste na retirada de folículos de locais onde o cabelo é abundante e sem o acometimento da calvície para serem colocados nas zonas onde há pouco cabelo. Para isso, a técnica mais utilizada atualmente é a FUE (Follicular Unit Extraction), a qual é bem menos invasiva do que os métodos realizados no passado, deixando cicatrizes minimamente visíveis.

Este tratamento é comum em situações de calvície, pois é capaz de restaurar a densidade capilar nas zonas afetadas por esta condição. Além da calvície, pode ser utilizado também em outras formas de alopecia e até mesmo na zona da barba.

Exemplos de problemas / afeções capilares

Existem vários problemas e afeções capilares que podem afetar tanto homens, como mulheres. No entanto, há algumas doenças mais comuns, como é o caso da calvície e da queda de cabelo.

 

Alopécia

Alopécia é um termo genérico que significa a perda de cabelos e/ou pelos. Pode ocorrer de forma parcial ou total, e ser permanente ou não. Como há diferentes tipos de alopécia, é fundamental realizar o diagnóstico preciso que permita aceder ao tratamento mais adequado. 

Alguns exemplos de alopecia:

– Alopecia androgenética: conhecida popularmente como calvície;

– Alopecia areata: pode se apresentar como áreas de “peladas”, ou como perda total dos fios. Pode afetar couro cabeludo, sobrancelhas, barba e/ou pelos corporais;

– Alopecia fibrosante frontal: perda progressiva de fios na região frontal do couro cabeludo;

– Alopecia de tração: perda de cabelos secundária à tração dos fios, geralmente devido a penteados ou uso de extensões capilares;

– Dentre outras.

 

Calvície ou Alopécia Androgenética

A calvície ou alopécia androgenética tem origem genética e é uma das causas mais prevalentes de perda de cabelo, atingindo mais de metade dos homens e cerca de um terço das mulheres com mais de 50 anos de idade. Neste quadro há um enfraquecimento progressivo dos foliculos pilosos geralmente nas zonas das entradas e da coroa nos homens, e de forma mais difusa nas mulheres. 

 

Queda de Cabelo ou Eflúvio

A queda de cabelo é um processo normal quando não existe uma perda de cabelo superior a 100/150 fios de cabelo por dia. Quando estes números são ultrapassados ou há uma queda de cabelo muito acentuada numa dada zona do couro cabeludo, pode significar um quadro patológico como alterações hormonais ou nutricionais, por exemplo. Na consulta com o especialista serão investigadas as causas além de ser feito o exame do couro cabeludo e dos fios. 

Nas doenças capilares, quanto antes se obtém o correto diagnóstico, antes se inicia o tratamento adequado, o que resulta num melhor prognóstico.

Na consulta com a dermatologista especializada na área capilar/tricologia, é realizado o exame físico completo, que inclui a dermatoscopia do couro cabeludo e a tricoscopia.

Em casos selecionados, também poderá estar indicada a realização de uma biópsia do couro cabeludo.

Essas práticas somadas a uma vasta experiência na área possibilitam o diagnóstico correto e o tratamento mais assertivo.

Marque já a sua consulta!

Pedido de Informação

  • Quer saber mais informações sobre este tratamento?
  • Deseja conhecer a Living Clinic?
  • Quer a opinião da nossa equipa?
  • Deseja marcar uma consulta?
Seraphinite AcceleratorOptimized by Seraphinite Accelerator
Turns on site high speed to be attractive for people and search engines.